Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Quando foi eleito Bolsonaro, achávamos que finalmente seria nossa vez"

“Quando foi eleito Bolsonaro, achávamos que finalmente seria nossa vez”
Foto: Luís Macedo/Câmara dos Deputados

O deputado Capitão Augusto (PL-SP), presidente da Frente Parlamentar da Segurança Pública, a chamada bancada da bala, desembarcou do governo Bolsonaro.

Nos últimos dias, ele vem dando uma série de declarações à imprensa sobre a insatisfação da categoria com o presidente.

Ao Congresso em Foco, o deputado disse:

Quando foi eleito Jair Bolsonaro– e nós trabalhamos muito para isso –, achávamos que finalmente seria nossa vez. Depois de governos do PT que não gostavam de nós de jeito nenhum, e a gestão conturbada do Michel Temer, achávamos que poderíamos ganhar um pouco do que perdemos nos últimos anos. E, na realidade, acabamos perdendo mais nestes dois anos que nos últimos dez.”

Ao Estadão, ele afirmou:

“A gente esperava um governo que fosse reparar o que perdemos. A desvalorização dos profissionais da área de segurança acabou piorando. (…) A gente não é consultado para absolutamente nada. Em dois anos, a bancada da bala nunca foi convidada para tomar café com o presidente. Bolsonaro já se reuniu com a bancada feminina, evangélica, do agronegócio… Nem sequer somos consultados para qualquer tipo de indicação de cargos.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO