Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Quase metade das crianças mortas por Covid têm até 2 anos de idade, diz Fiocruz

"Para conter a circulação do vírus e proteger nossas crianças, o uso de máscaras e o distanciamento social devem continuar mesmo após a vacinação”
Quase metade das crianças mortas por Covid têm até 2 anos de idade, diz Fiocruz
Foto: Myriams-Fotos/Pixabay

Quase metade das crianças e adolescentes brasileiros mortos por Covid em 2020 tinham até 2 anos de idade, mostra estudo da Fiocruz.

Os dados foram publicados no blog da instituição na segunda-feira retrasada (16).

A instituição registrou 1.207 mortes por Covid em brasileiros menores de 18 anos em 2020. Dessas, 45% ocorreram em bebês de até 2 anos de idade.

O mesmo estudo, do pesquisador Cristiano Boccolini, mostrou que o número de mortes por Covid no Brasil em 2020 foi 18,2% maior do que o registrado oficialmente. A análise indicou que foram 230.452 óbitos pela doença no ano passado, em vez 194.949.

Nesse cálculo, os menores de 18 anos responderam por 0,5% das mortes totais por Covid no Brasil em 2020.

Ao blog da Fiocruz, Boccolini disse que “para conter a circulação do vírus e proteger nossas crianças, o uso de máscaras e o distanciamento social devem continuar mesmo após a vacinação”.

“Outra recomendação importante é que mães com Covid-19 continuem amamentando seus bebês, se ambos tiverem condições físicas para isso. Os benefícios do aleitamento materno superam em muito o risco de contaminação. Cuidados sanitários, como higiene das mãos e uso de máscaras tipo PFF2 e N-95, devem ser reforçados nesses casos”, acrescentou.

Leia tambémPandemia interrompeu vacinação para milhões de crianças no mundo, mostra estudo

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO