“Que seja condenado”

O MPF pediu a Sérgio Moro a condenação de Gim Argello por organização criminosa, corrupção passiva, concussão, lavagem de dinheiro e embaraço à investigação.

Nas alegações finais de ação penal da Lava Jato, os procuradores pediram ainda a condenação dos empreiteiros Ricardo Pessoa e Léo Pinheiro (e a manutenção da prisão preventiva deste último).