“Que sobreviva às custas próprias, não tirando dinheiro dos cofres públicos”

Nabhan Garcia, secretário especial de Regulação Fundiária do Ministério da Agricultura, disse à Folha:

“Não haverá mais dinheiro para ONGs escusas. Essa gente realmente tem que estar preocupada. É um direito de qualquer organização não governamental defender interesse de quem ela tem esse propósito, mas muita coisa vai mudar.”

Ele afirmou também:

“O índio tem muitos problemas. O índio precisa ter um assistencialismo real. Não um assistencialismo de dinheiro que vai para ONG e ONG desaparece com esse dinheiro.”

E mais:

“Tem muita ONG que, se quiser sobreviver, vai ter que sobreviver como manda a lei, às custas próprias. Existe uma preocupação de algumas ONGs que estão reclamando… Não vejo um motivo. Talvez seja isso. Ora, já se diz: organização não governamental. Que sobreviva às custas próprias, não tirando dinheiro dos cofres públicos.”

O último golpe de Eunício Oliveira. No seu bolso. Leia mais

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler comentários
  1. Marlene disse:

    Falou e disse! Muitas ONGs só existem para repassar dinheiro para o MST e congêneres para que eles possam infernizar a vida da população que trabalha. As estrangeiras são outro capítulo.

    1. Injusto, como sobreviverá o MST para invadir terras? Eles necessitam destes recursos para destruir fazendas produtivas, centros de pesquisa, etc... Não o fazem na cana de açucar pq pode faltar cach

  2. JOSE disse:

    tem que ir a fundo na ong da filha do lula que recebeu dinheiro publico, comprou um apartamento e depois a ong desapareceu! simples assim

  3. João disse:

    Quando Lula começou ganhar eleições teve que dar mamata para os vagabundos. ONGs, sindicatos, ministérios. E nós pagando.

  4. Cristina disse:

    Teen ONG pra cuidar do Índio, ONG pra cuidar do pé de bananeira e por aí vai

  5. Fernando disse:

    Estas ONGs são a maioria de petistas Conheço bem como funcionam ou desculpe como não funcionam

  6. Robson disse:

    Concordo plenamente. Se é não governamental q sobreviva com recursos próprios ou privado.

  7. Carolina disse:

    Ufa!! Até que enfim minhas preces foram ouvidas!!! 😃

  8. Marcio disse:

    A maioria dessas organizações, que se auto denominam ONG's, são para absorver recursos públicos. Virou "moda" no Brasil e o exemplo sempre veio dos governos anteriores. Viver às custas do paí

  9. Renato disse:

    Leiam "Introdução à Nova Ordem Mundial" e "O Brasil e a Nova Ordem Mundial", ambos do Alexandre Costa, entenderão a serviço de quem está essa gente "humanista".

  10. Nova disse:

    Isso ae, corta tudo!!! Gosto desse cara, sempre manda a verdade na lata

  11. Renato disse:

    O óbvio!! Se é ong então não pode sobreviver do dinheiro público.

  12. Waldemar disse:

    Organização N Ã O Governamental, demorou prá se ver o óbvio.

  13. R.A.F disse:

    Resta saber se os índios ainda conseguirão sobreviver nas selvas. Muito frio, tem que caçar e preparar a comida, moer farinha, cada de palha tem animais peçonhentos, etc.. Melhor criar o Bolsa-í

    1. Se isso fosse verdade não existiria índios no Brasil nem no tempo do descobrimento.

  14. SPA disse:

    Por que tantas ONGs na Amazônia e nenhuma cuidando do flagelo da seca ?

  15. FRANCISCO disse:

    Até que enfim resolveram levar a sério a letra N da sigla. Muita gente enriqueceu com ONGs que viviam exclusivamente de dinheiro governamental graças aos petralhas!

    1. Aquelas “feministas” com peitos de fora, fazendo sexo e outras coisas no meio da rua, também são desocupadas sustentadas por essas ONG’s. Passou da hora de acabar com essa palhaçada!!

  16. Sergio disse:

    Índio não precisa de assistencialismo algum. Índio precisa é trabalhar como qualquer um. Eu tenho ascendência indígena e nem por isso deixo de trabalhar.

    1. Eu também tenho ascendência indígena e trabalho.

  17. Edson disse:

    O Brasil deve ser o único país onde Organizações Não Governamentais dependem do governo.

  18. Gabriel disse:

    Eita, empurrou com areia e sem vaselina.

  19. Rita disse:

    Pior é que elas vão sobreviver muito bem com o dinheiro do Soros. :/

  20. Patrício disse:

    Maravilha! Foi na jugular dos prestidigitadores do dinheiro público. As ONGs do bem não têm o que temer, mas as ONGs criadas para dilapidar o erário, essas vão dançar.

  21. Silvando disse:

    ONG, se tiver alguma utilidade, ok, duvudi; da maioria; joga esse dinheiro primeiro na saúde, segurança e educação.

  22. Augusto disse:

    Eu nunca entendi essas ONGs. Se é para usar recursos do erário, por que o próprio Estado não faz o serviço delas? Essa gente entende o que diz a sigla (NÃO governamental)?

  23. Paulo disse:

    ONG virou agencia de intermediação das verbas públicas !! coisa dos PeTralhas ...

  24. Marcos disse:

    Comunistas tem sérios problemas cognitivos. Vejam o caso de levandovisky e renan: conseguiram não entender uma frase da constituição. Com ONG´s era assim: NÃO Governamental mas, Governamental.

  25. AftasArdem disse:

    E o projeto de uma universidade federal do Rio de Janeiro de criação de moeda digital para os índios? kkkkkkk

  26. Odorico disse:

    Exatamente o que queremos, votamos em Jair para isso. Eduardo Bolsonaro Presidente 2022

  27. Sueli disse:

    Corretíssimo. As ONGs não governamentais têm que ter capacidade de conseguir verbas do setor privado. Mamar nas tetas estatais é muito mais fácil.

  28. xdaquestão disse:

    Os documentários ou algum vídeo sobre índigenas brasileiros,mostram uma produção cinematográfica c/ designe, decoração, e performance, tda arrumadinho, tdo combinando c/ td.Serão índios mesm

  29. Deni disse:

    Parece até que a gente tá sonhando....nunca imaginei ouvir isso...mas o Brasil está mudando.....Brasil.Aço.

  30. Jackson disse:

    Boas ONGs não estão reclamando de nada. Aquelas corretas, nem se preocupam. Já as outras, mamadoras, usurpadoras e aliadas do petismo estão se borrando.

  31. Ruiter disse:

    Irão cortar os contratos com essas ONGs? Foi promessa de campanha.

  32. vicente disse:

    O Pará é o berço das ONG!s! Eles pegam milhões e programam uma dancinha com os índios, e quem dança somos nós que pagamos impostos.

  33. Antonio disse:

    Vou abrir uma ONG, vai se chamar C.. da Mãe Joana.

  34. Renato disse:

    ONGs são canal p/ q trilhardários fujam de imposto, mamem nos governos e lavem dinheiro.

  35. ixxtupid disse:

    são tipo a dilma, não governamental

  36. Getulio disse:

    Excelente,otimo,legal joia,correto,bacana,prá frente,isso mesmo,real,até que enfim,perfeito,etcQue beleza,estou voltando a acreditar nesse PAÌS.

  37. Carlos disse:

    Fazer o discurso correto é um bom começo!

  38. Luciano disse:

    ONG significa; Organização NÃO GOVERNAMENTAL. Pronto, disse tudo.

  39. opɹɐnpǝ disse:

    ♪ ♫ vou varrendo, vou varrendo, vou varrendo, vou varrendo ...

  40. Angela disse:

    Parabéns Secretários, vamos passando a vassourinha!o brasileiro de bem agradece

  41. Otávio disse:

    KKKKKK Essas ONG´s devem ser um antro de pura sacan@gem!!!

  42. Vicente disse:

    Matou a pau. A grande maioria dessas "ONGs" são criações de políticos, amigos de políticos ou laranja de políticos, para drenar o erário. ponto. Suspenda todo pagamento e verifique caso a cas

  43. xdaquestão disse:

    Ótimo, mas e as ongs estrangeiras que deitam e rolam no Brasil, pagando agentes para propagandearem a agenda do globalismo? Tipo Open Society? Investem muita grana para destruírem nossa democracia

  44. Observador777 disse:

    NÃO GOVERNAMENTAL que vive de $$ governamental...

  45. Antonio disse:

    O roubo estão também nas OSCIPs do terreiro setor.

  46. Nathan disse:

    Kkkkkkk.....! Tá bom demais! Em pouco tempo teremos vermelholandias nos centros das capitais!

  47. Carlos disse:

    O recado está dado. Ainda não entenderam o significado de NÂO GOVERNAMENTAL?

  48. MARCO disse:

    Queremos os nomes dos "BOIS". Não adianta ser genérico. A sociedade tem direito de saber as razões sociais ou semelhante, quem dirige e à que se destina, quanto já recebeu e o quê produziu.