Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Queiroga diz aguardar manifestação da Precisa para cancelar contrato da Covaxin

Acordo foi suspenso em 5 de julho, mas ainda não cancelado
Queiroga diz aguardar manifestação da Precisa para cancelar contrato da Covaxin
Reprodução/TV BrasilGov/YouTube

Marcelo Queiroga disse nesta quinta (29) aguardar manifestação da Precisa para poder cancelar o contrato de compra com a Covaxin, que por enquanto está apenas suspenso.

“A posição do Ministério da Saúde acerca dos fatos apurados pela CGU será de cancelamento do contrato. Todavia, em face da própria lei das licitações (sic), nós temos que notificar a empresa contratada para que ela apresente defesa nos autos”, disse o ministro, em coletiva de imprensa.

“Mas o objeto, que era contratação de vacinas, ele foi perdido”, acrescentou.

O Ministério da Saúde suspendeu o contrato para compra da Covaxin em 5 de julho.

A projeção de vacinas publicada ontem (28) pelo ministério ainda conta com 20 milhões de doses da Covaxin.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO