Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Queiroga mente e omite dados na OMS

Queiroga mente e omite dados na OMS
Foto: Marcos Corrêa/PR

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse nesta segunda-feira (24) na OMS que o governo brasileiro está adotando a “firme recomendação” para a população respeitar as medidas de isolamento social.

A declaração acontece um dia após o próprio presidente Jair Bolsonaro participar de um passeio de moto e causar uma série de aglomerações no Rio de Janeiro.

Queiroga disse que o país não mediu esforços para promover a saúde.

“A pandemia impôs enormes desafios aos sistemas de saúde ao redor do mundo. No Brasil, investimos recursos financeiros e humanos na promoção da saúde e na retomada da economia. A isso, somamos nossa firme recomendação de medidas não-farmacológicas para toda a população.”

O ministro ainda inflacionou o número de pessoas vacinadas no país.

“Hoje, nossa maior esperança para permitir o retorno gradual e seguro à normalidade é a ampla vacinação. Até o momento, o SUS já distribuiu mais de 90 milhões de doses de vacinas e vacinou mais de 55 milhões de pessoas, dentre as quais mais de 80% de indígenas.”

Até o momento, só 41,9 milhões de pessoas receberam a pelo menos uma dose de vacina contra a Covid. Apenas 20,6 milhões de brasileiros foram completamente imunizados.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO