Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Queiroga recua sobre vacinação de crianças: "Queremos que os pais decidam"

"Eu não disse novidade nenhuma, nenhuma"
Queiroga recua sobre vacinação de crianças: “Queremos que os pais decidam”
Reprodução/CNN Brasil/YouTube

Marcelo Queiroga reiterou nesta quinta (13) que a Anvisa, e não ele, garante a segurança da vacina da Pfizer para crianças de 5 a 11 anos.

“O que eu falei para vocês? Que as vacinas eram seguras segundo as avaliações da agência regulatória”, disse o ministro a repórteres.

“Quem faz a avaliação de segurança é a agência regulatória. O que eu disse nada mais é do que [aquilo que] está na recomendação que o ministério colocou em consulta pública, que foi colocada como posição final do ministério. Eu falei que tinham sido aplicadas 8 milhões de doses [nos Estados Unidos]. Eu não disse novidade nenhuma, nenhuma. O que nós queremos é que os pais decidam o que é melhor para os filhos”. 

Na verdade, a vacinação de crianças é obrigatória no Brasil.

Leia mais:

Queiroga: se for necessário, é possível dobrar número de leitos

Queiroga: Saúde pediu à Anvisa liberação do autoteste de Covid

Queiroga: aumento de mortes pela Ômicron pode aparecer depois de 3 semanas

Mais notícias
TOPO
×
Oferecimento....