"Quem não aceitar isso está no governo errado"

Na reunião ministerial de 22 de abril, Jair Bolsonaro disse:

“Não dá para segurar mais. Quem não aceitar as minhas maneiras: família, Deus, Brasil, armamento, liberdade de expressão, livre mercado. Quem não aceitar isso está no governo errado.”

O presidente emendou que quem não aceitar isso pode esperar, nas eleições de 2022, as candidaturas de Alvaro Dias, Geraldo Alckmin, Fernando Haddad ou talvez Lula “e vai ser feliz com eles”.

“No meu governo, está errado.”

Mais lidas
  1. PDT acusa Bolsonaro de peculato por compra de leite condensado

  2. Mandetta tem imagem mais positiva, diz pesquisa

  3. O bolsonarista Eduardo Cunha

  4. Polícia Federal aparelhada?

  5. Sobra leite condensado, falta transparência do governo

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 24 comentários
TOPO