"Quem sofre é o preto"

O site faveladarocinha.com produziu um vídeo “contendo dicas sobre como a população negra das comunidades do Rio deve agir durante a intervenção”, diz O Globo.

Para os autores do vídeo, o Exército é o inimigo:

Diz o narrador:

“É triste ter esse vídeo, pensar esse vídeo, publicar esse vídeo. Mas é altamente necessário porque a gente sabe bem que a partir do momento que começa a intervenção militar quem irá sofrer as consequências no final da história, principalmente dentro das favelas. É o que a gente sempre fala quando tem incursão policial ou militar nas favelas: quem sofre é o preto, pobre e favelado.”

Comentários

  • contribuinte -

    No cenário dantesco que vivemos, a hipocrisia é mais forte ingrediente. O vitimismo faz parte disso.

  • Reinaldo -

    Gostei do vídeo, todos, independentemente de sexo, idade, cor da pele e crença, deveriam, sempre, seguir os conselhos dados, boa parte já nos eram aconselhados por nossos avós, nas décadas de 1960 a 1980.

  • Lygia -

    Engracado que esqueceram das familias das favelas, brancas e negras, expulsas por traficantes, da morte de criancas brancas e negras por balas do trafico, da escravidao sexual das meninas negras e brancas promovidas pelos chefes dos carteis de drogas nos morros e das criancas transformadas em criminosos desde a mais tenra idade. E dai? Tem ou nao argumento de sobra para filminhos na ausencia do exercito? Tuuuudo bandido e covardes!

Ler 233 comentários