Quem vai pagar o aumento de Lewandowski?

Ricardo Ferraço, no relatório que será apresentado amanhã contra o reajuste dos salários dos ministros do STF, afirma ser “fácil notar” que o governo não tem dinheiro para bancar esse aumento, que terá efeito cascata.

Se a proposta passar, acrescenta o senador, será preciso aumentar impostos ou a dívida. Ou as duas coisas.

“O Congresso deve se pautar pela realidade e pelos clamores da sociedade e não ceder às pressões de grupos corporativos organizados.”

O STF é um grupo corporativo organizado.

Faça o primeiro comentário