ACESSE

"Querem que a gente morra de fome, de sede, de frio"

Telegram

Lula está morrendo de fome.

É o que diz Paulo Okamotto, entrevistado pela colunista Lula social da Folha de S. Paulo:

“O Lula agora não tem mais como pagar água, luz, telefone de seu apartamento; nem convênio médico, advogados, nada. Querem que a gente morra de fome, de sede, sem defesa, de frio.”

Ainda bem que Lula tem suas lixas de unha.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 257 comentários