“Questão pessoal de Geddel”

Romero Jucá agora diz que a prisão de Geddel não vai interferir na decisão de os parlamentares aceitarem ou não que Michel Temer seja processado no STF.

Ele afirma também que a prisão é uma “questão pessoal” de Geddel.

Estão como baratas tontas.