Delator pagou R$ 1 milhão em voos para Dirceu

O Estadão cita O Antagonista ao publicar hoje as planilhas com os voos de José Dirceu.

Os documentos, revelados aqui ontem, trazem uma relação de 113 voos feitos pelo ex-ministro entre 2010 e 2011 a bordo de duas aeronaves.

Dirceu usou jatinho até para se deslocar entre Congonhas e Guarulhos, percurso de 32 km, para depois voar a Brasília.

O delator Júlio Camargo disse à Lava Jato que pagou pelos voos de Dirceu o equivalente a R$ 1 milhão, de um total de R$ 4 milhões em propinas distribuídas também a Pedro Barusco e Renato Duque.

O depoimento de Camargo empareda o delator Barusco, que escondeu da força-tarefa informações sobre o pagamento de propina a Dirceu.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200