R$ 4,5 bilhões por ano

O relatório de Ricardo Ferraço contra o reajuste dos ministros do STF, obtido por O Antagonista, traz a estimativa do impacto financeiro anual, caso a proposta seja aprovada: R$ 4,5 bilhões.

“O reajuste do subsídio do Ministro do Supremo Tribunal Federal resultará em um impacto bilionário nas contas públicas da União, dos Estados e dos Municípios. A partir da sua aprovação, abre-se a porta para que sejam reajustados todos os demais salários no setor público, inclusive os salários de deputados e senadores, o que sabemos, historicamente acontece em um segundo momento”, alerta o senador.

Faça o primeiro comentário