Rachado, Podemos marca sabatina com Simone Tebet

Rachado, Podemos marca sabatina com Simone Tebet
Foto: Pedro França/Agência Senado

O Podemos, partido que é a base do “Muda, Senado”, está rachado na disputa pela presidência da Casa.

A reunião fechada de ontem da bancada, com nove senadores, foi tensa, com momentos de discussões acaloradas.

Como dissemos, há quem já sinalizou apoio a Rodrigo Pacheco (DEM), há os que defendem a aliança com Simone Tebet (MDB) e há os que ainda apostam em candidatura própria do grupo.

O Antagonista apurou que senadores do Podemos chegaram a sugerir que Simone deixasse o MDB e se lançasse pela legenda.

“O problema da Simone é o MDB. O Eduardo Braga e os outros caciques odeiam a Simone, todo mundo sabe. Agora, poderão optar por ela como última chance de sobrevivência, diante da consolidação da candidatura do Pacheco”, disse a este site um senador do Podemos.

Amanhã, quarta-feira (12), Simone, provavelmente já confirmada como candidata, deverá participar de uma espécie de sabatina com os senadores do Podemos. O partido liderado por Alvaro Dias tenta garantir o comando da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), mesmo sendo tarefa difícil, pois feriria a regra de proporcionalidade da Casa.

Entre os que apoiam Simone, há o argumento, por exemplo, de que o Senado pode “fazer história” elegendo a primeira presidente mulher.

Leia mais: O início da vacinação no Reino Unido traz esperança para o mundo e dá a largada para a corrida dos políticos pela vacinação em massa em diferentes países.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO