ACESSE

Rachid no Judiciário

Telegram

O STJ começou a julgar ontem o desembargador Carlos Rodrigues Feitosa, acusado de exigir metade do salário de servidoras comissionadas em seu gabinete, no Tribunal de Justiça do Ceará.

Relator do caso, o ministro Herman Benjamin votou pela condenação do magistrado por concussão, recomendando 3 anos e 10 meses de prisão inicialmente no regime semiaberto.

O julgamento será retomado na Corte Especial no próximo dia 20.

No CNJ, o desembargador teve como punição a aposentadoria compulsória. Se for condenado no STJ, ele pode perder também as pensões.

LAVA TOGA: A CHANCE INÉDITA DA LAVA JATO. Leia aqui

Comentários

  • Fabricio -

    Duvido, mas vamos aguardar.

  • Regildo -

    Corporativismo e falta de vergonha se confundem!

  • HM -

    Parece com o BEIÇOLA, aquele mequetrefe que é aliado da GENTALHA Corrupta do $TF, será que é primo de 1º grau dele.🙄🤔

Ler 7 comentários