Randolfe pede afastamento e prisão de Weintraub

Randolfe pede afastamento e prisão de Weintraub
Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) realiza audiência com o ministro da Educação, Abraham Weintraub, para prestar informações sobre problemas na realização do Enem e para tomar conhecimento dos programas a serem implementados pelo Ministério. À mesa, em pronunciamento, ministro da Educação, Abraham Weintraub. Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

Randolfe Rodrigues encaminhou ao STF um pedido de prisão temporária ou preventiva de Abraham Weintraub, informa a Folha.

O senador da Rede do Amapá também solicitou o afastamento imediato de Weintraub do comando do Ministério da Educação, além de busca e apreensão de seus celulares e computadores.

A ação baseia-se em manifestação do ministro no domingo (14), quando, em encontro com manifestantes bolsonaristas, ele repetiu o que dissera na reunião ministerial de 22 de abril, ao chamar os ministros do STF de “vagabundos” e defender a prisão deles.

Leia mais: Exclusivo: os bastidores do 'inquérito do fim do mundo', no STF
Mais notícias
TOPO