ACESSE

Reabertura é baseada em "estratégia de tentativa e erro", diz Teich

Telegram

O ex-ministro da Saúde Nelson Teich voltou a criticar a condução do governo federal da crise da Covid-19.

Em artigo publicado no jornal O Globo, Teich cobra uma ação coordenada pelo Ministério da Saúde e diz que o processo de reabertura da economia em várias cidades do país vem sendo feito na base de “tentativa e erro”.

“As tentativas acontecem de forma confusa, muitas vezes intempestiva, não sendo baseadas em critérios que mostrem a hora certa e a forma segura de relaxar o distanciamento. Os movimentos acontecem sem uma coordenação central e são baseados em uma estratégia de tentativa e erro, que é ineficiente e não gera aprendizado”, afirma.

Segundo Teich, “o modelo atual para liberar a economia pode acabar em inúmeras idas e vindas, onde a mesma coisa é feita repetidas vezes na ilusão de que, em algum momento, vai funcionar”. “É quase a espera de um milagre”, diz.

“Precisamos de dados, conhecimento e propostas mais eficientes para que a sociedade possa retornar a uma realidade que amenize todas as perdas, angústias e tristezas que temos atualmente. O Brasil precisa de um programa nacional de abordagem do distanciamento, coordenado pelo Ministério da Saúde, que seja usado por todas as cidades. Na construção desse programa, é crítico que posições pessoais e políticas não se coloquem acima das necessidades da população.”

Ele escreve ainda:

“Existe uma sede de liberdade, do retorno a um nível de interação e mobilidade que tínhamos antes da Covid-19. É importante entender que liberar atividades que não conseguimos controlar, como abertura de bares, clubes e academias, pode ser um problema muito difícil de administrar. A liberação dessas atividades tem uma chance enorme de gerar aglomerações que serão criticadas e percebidas como um erro da população, mas talvez estejamos cobrando das pessoas e da sociedade mais do que elas conseguem entregar.”

Leia mais: Um amigo aconselhou Bolsonaro a renunciar. O presidente resiste. E tem um plano para ir até o fim

Comentários

  • JORGE -

    Contraditório a prevenção e ao controle parte do PR, com ajuda de uns governadores puxa saco. O resultado está aí. A dupla Bolsonaro/Trump está ganhando de goleada.

  • Mauricio -

    Tentando salvar sua biografia... Mesmo estando certo é um pouco tarde...

  • Maria -

    Pena que saiu! Este é bom!

Ler 28 comentários