A reação do Sistema S

O Sistema S reagiu à promessa de Paulo Guedes de “meter a faca” nas instituições.

Eduardo Eugênio Gouvêa Vieira, presidente da Firjan, disse ao Estadão que é preciso ajudar o futuro ministro a pensar em novas formas de bancar os serviços.

“Não tem cabimento irmos a público para mostrar os benefícios sociais dessas instituições. Isso está dado. A discussão é sobre financiamento.”

Reforma da Previdência, privatizações, Bolsa Família... Saiba o que Bolsonaro deve fazer AQUI

Ele acrescentou:

“Queremos debater para salvar o trabalho que fazemos ou será terra arrasada.”

Comentários

  • IMACULADA -

    Sistema "S" para eles, para os trabalhadores só miséria...Meta a faca mesmo Ministro...Cursos que oferecem, carissimos, só turma deles que fazem....

  • REVOLTADO -

    "....pensar em novas formas de bancar os serviços". Entendi: $$$$$$$$$$$

  • Rangel -

    Meu Deus, quanta besteira escrita aqui hein. Trabalho no Sistema S e antes de mais nada concordo plenamente com nosso futuro ministro, tem sim que acabar com certas "práticas" que ocorrem aqui.

Ler 86 comentários