Rédea curta para presos com tornozeleira

Começou a tramitar no Senado um projeto de lei, de autoria de Lasier Martins, que pretende punir os presos com tornozeleira eletrônica que desrespeitarem a distância definida pela Justiça. Quem extrapolar o perímetro poderá, entre outras sanções, voltar para o regime fechado.

“Minha proposta quer reforçar a garantia de que o preso com tornozeleiras eletrônicas não aproveite de sua condição para coagir testemunhas, destruir provas, planejar ou mesmo cometer crimes, dando mais segurança à população”, defendeu o senador.

Um terço do Senado está na lista de investigados da Lava Jato.

Faça o primeiro comentário