Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Reforma administrativa deve afetar atuais servidores, diz ex-secretário de Guedes

Reforma administrativa deve afetar atuais servidores, diz ex-secretário de Guedes
Foto: Agência Brasil

O ex-secretário de desburocratização do Ministério da Economia Paulo Uebel defendeu que a reforma administrativa corte privilégios dos atuais servidores públicos, e não somente daqueles que ingressarem no funcionalismo após sua aprovação.

Uebel participou de uma audiência pública nesta quinta-feira (29) na CCJ.

“O texto atual, principalmente na parte dos privilégios, não pega os atuais (servidores). Na minha opinião, isso é injusto, isso precisa ser mudado, ele precisa cortar privilégios para todos, inclusive os atuais servidores.”

Uebel deixou o governo em agosto de 2020, por entender que a reforma administrativa estava parada e o governo ter sinalizado que só tocaria no assunto em 2021.

Ontem, a CCJ aprovou um convite para que Paulo Guedes seja ouvido na comissão na próxima terça-feira (4).

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO