Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Reforma política quer criar incentivo financeiro para candidaturas femininas

Proposta prevê que votos em mulheres serão contados em dobro no cálculo que reparte as verbas públicas dadas a partidos políticos
Reforma política quer criar incentivo financeiro para candidaturas femininas
Foto: Antonio Augusto/ASCOM/TSE

A relatora da reforma política, Renata Abreu (Podemos-SP), quer criar incentivo financeiro para candidaturas femininas.

A ideia da deputada federal é fazer com que os votos em mulheres sejam considerados em dobro no cálculo que define as cotas dos fundos partidário e de campanha repassadas aos partidos.

“Para fins de distribuição entre os partidos políticos dos recursos do Fundo Partidário e do Fundo Especial de Financiamento de Campanhas (Fundo Eleitoral), os votos dados a candidatas mulheres para a Câmara dos Deputados nas eleições realizadas entre 2022 e 2030 serão contados em dobro.”

O relatório será apresentado hoje, a partir das 18h, por Abreu (Podemos-SP) na Câmara. Há possibilidade de o texto ser votado ainda nesta terça-feira.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO