Registro da Anvisa libera vacina da Pfizer para ser comercializada; marca será 'Comirnaty'

Registro da Anvisa libera vacina da Pfizer para ser comercializada; marca será Comirnaty
Foto: x3/Pixabay

A assessoria de imprensa da Anvisa acaba de confirmar a O Antagonista que o registro da vacina da Pfizer, anunciado na manhã desta terça (23), libera a comercialização do imunizante.

O registro é diferente da autorização para uso emergencial.

No fim de janeiro, a Fiocruz também pediu registro da vacina da AstraZeneca/Oxford. O pedido ainda está sob análise.

O registro é uma decisão da Gerência Geral de Medicamentos, da área técnica da Anvisa, e não da diretoria colegiada, que avaliou os pedidos de uso emergencial.

Em nota, a Pfizer informou que a vacina será comercializada sob a marca COMIRNATY, “uma combinação dos termos COVID-19, mRNA, comunidade e imunidade”.

No ensaio clínico da vacina da Pfizer no Brasil, participaram 2 900 voluntários.

Os estudos foram conduzidos pelo Centro Paulista de Investigação Clínica (Cepic), em São Paulo, e pelas Obras Assistenciais Irmã Dulce, em Salvador.

Leia mais: Quem são os diretores da agência que darão o veredicto sobre as vacinas a serem aplicadas nos brasileiros
Mais notícias
TOPO