Rejeição a Haddad cresce 10 pontos entre mulheres; a Bolsonaro, cai 3

A rejeição a Fernando Haddad cresceu 10 pontos entre as mulheres, segundo o Datafolha.

Subiu de 26% para 36%.

A rejeição a Jair Bolsonaro baixou 3 pontos: de 52% para 49%.

Há chances de vitória de Bolsonaro no primeiro turno. Saiba mais AQUI

Em intenções de votos das mulheres, como registramos, Bolsonaro subiu de 21% para 27%, enquanto Haddad ficou para trás, com apenas 20%.

Se essas tendências continuarem, a onda Bolsonaro engole Haddad.

Datafolha: Bolsonaro ultrapassou Haddad também entre as mulheres

Comentários

  • André -

    Ainda vamos agradecer a esquerda pelo "movimento" #EleNão

  • REVOLTADO -

    Nos últimos dias de campanha estão 'dissolvendo' a 'fake rejection' encomendada para desconstruir Bolsonaro!!!

  • Marcos -

    A campanha de Bolsonaro teve um grande acerto em focar nas mulheres. E o fez sem afastar os homens, ao contrário do que Marina Silva fez lá atrás

Ler 93 comentários