Relator: danos ao erário só foram possíveis por ação de Witzel

Relator: danos ao erário só foram possíveis por ação de Witzel
Foto: Alerj

A Comissão de Impeachment na Alerj debate na manhã desta quinta-feira o relatório do deputado estadual Rodrigo Bacellar (Solidariedade). O relatório é a favor do impeachment.

Para Bacellar, “[r]estou comprovado pelos documentos já acostados terem as empresas mencionadas gerado um prejuízo de milhões de reais aos cofres públicos ao mesmo tempo que não prestavam os serviços para os quais eram pagas, condutas incompatíveis com os princípios e normas acima mencionados”.

O relator acrescentou: “os fortes indícios de proximidade entre os empresários que se locupletaram do dinheiro público e o denunciado; aliado ao fato de que grande parte dos danos ao erário somente foram possíveis ante a direta intervenção do Denunciado, denotam a necessidade de prosseguimento do processo”.

Leia AQUI o parecer.

Leia mais: EXCLUSIVO: em vídeo, Marcelo Odebrecht explica o esforço da companhia para contar com os préstimos do “amigo do amigo de meu pai” -- como Toffoli era conhecido na empreiteira
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Seja o primeiro a comentar
TOPO