ACESSE

Relator de processo de impeachment não vê culpa de Crivella

Telegram

Em sessão realizada nesta quarta-feira na Câmara Municipal do Rio de Janeiro, o relator do processo de impeachment do prefeito Marcelo Crivella, Luiz Carlos Ramos Filho, leu seu parecer pela improcedência da denúncia.

Apesar de isentar Crivella de responsabilidade no episódio da prorrogação dos contratos de exploração do mobiliário urbano — que motivou o pedido de impedimento –, o vereador do Podemos apontou irregularidades cometidas por servidores que participaram dos processos administrativos.

“Aos olhos deste relator, não se enxerga a responsabilidade personalíssima do senhor prefeito Marcelo Crivella, mas não há sombra de dúvidas que o rito do processo administrativo foi subvertido de forma temerária”, diz o relator,  no texto.

“Conclui-se pela improcedência da denúncia, com remessa dos autos do inquérito ao Ministério Público para apuração de inconsistências apontadas e das respectivas medidas judiciais cabíveis.”

O relatório será submetido ao plenário da Câmara na próxima terça-feira, dia 25.

Mensagens de Moro roubadas e vazadas: serviços secretos estrangeiros envolvidos? Saiba mais

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler comentários