Relatora vota contra Russomanno

Cármen Lúcia, noticia o Jota, acaba de votar por manter a condenação de Celso Russomanno, tornando-o, assim, inelegível.

Ainda votarão Dias Toffoli, Gilmar Mendes, Celso de Mello e Teori Zavascki.