Relatório tem mais de 100 páginas

Antonio Anastasia deixou o Congresso ontem perto da meia-noite. Retornou hoje às 7h.

O relatório, concluído nesta manhã, tem cerca de 120 páginas.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler 22 comentários
  1. Ainda que não tivesse na Constituição, ela ontem confessou o crime ao assinar um pacote de bondades sem o conhecimento da equipe econômica.

  2. Dilma não deveria nem ser julgada , deveria ser fuzilada , assim como todos os outros que participaram destes crimes e roubos . Oque mais precisa ser mostrado com relacao este crime absurdo , que começou com o LULA , Retroceder é roubar patrimônio publico e roubar como se estivéssemos numa pequena vila no interior da Africa . Lei marcial , fuzilamento ou forca urgente ,chega de bla,bla bla.

  3. Reescrevi meu comentário de maneira mais clara: Uma coisa que eu não entendo: se o Senado entender que há crime de responsabilidade, mesmo sem haver transcorrido o inteiro período fiscal de 2016, e portanto, raciocinando por analogia, concluir que também houve esse crime de responsabilidade em 2014, independentemente de haver o próprio Senado aprovado uma mudança de última hora na meta fiscal, então não foi o próprio Senado cúmplice desse crime em 2014, ao aprovar uma mudança (a se admitir esse entendimento, perfeitamente inócua) da meta?

  4. – Eu ouvi dizer que Janot e os 11 ministros do STF vão renunciar em solidariedade a Dilma. É verdade?

  5. Decisão Correta kkkk derramar sangue kkk vem pra rua o intelectual falido de esquerda para de mandar por 100 reais o pessoal do Mst e vem vc estou esperando

  6. Este procurador merece parabéns por expor de forma clara e até didática os crimes praticado pela senhora que por enquanto ainda governa, muito mal diga-se de passagem, o Brasil….este senhor não é magistrado, mas podemos dizer que ainda existem juízes em Berlim….

  7. Uma coisa que eu não entendo: se o Senado entender que há crime de responsabilidade, mesmo sem haver transcorrido o inteiro período fiscal de 2016, e portanto, raciocinando retroativamente, concluir que também houve esse crime de responsabilidade em 2015, independentemente de haver o próprio Senado aprovado uma mudança de última hora na meta fiscal, então não foi o próprio Senado cúmplice desse crime em 2015, ao aprovar uma mudança (a se admitir esse entendimento, perfeitamente inócua) da meta?

  8. Pois é… Talvez, inclusive, devesse constar na Constituição que incapazes (ou “incapazas”, como deve preferir a anta) fossem impedidos de ocuparem a Presidência: muitos problemas seria assim evitados…

  9. Acho sensato convidar o lula, para evitar derramamento de sangue civil. ——- Para evitar que exploda a violência no país, Temer convidou Lula para seu governo: http://painel.blogfolha.uol.com.br/2016/05/02/temer-deve-procurar-lula-depois-que-senado-admitir-processo-de-impeachment-de-dilma/

  10. Segundo o mais recente Boletim Estatístico de Pessoal(referente a outubro de 2012), publicação mensal editada pelo Ministério do Planejamento, havia 992,0 mil servidores ativos do Poder Executivo (civis e militares) em 1991. Em 1998, no primeiro ano da gestão FHC, o total havia sido reduzido para 841,9 mil funcionários e continuou a cair. Em 2002, último ano da gestão tucana, estava em 810,0 mil. Em setembro de 2012, último dado disponível, tinha subido para 1.000,5 mil, com aumento de 23,5% durante a gestão petista.

Os comentários para essa notícia foram encerrados.