Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Renan cita Barros, Osmar Terra, Nise e ‘gabinete do ódio’ entre indiciados

O senador reafirmou que pedirá o indiciamento de mais de 40 pessoas no relatório final da CPI da Covid
Renan cita Barros, Osmar Terra, Nise e ‘gabinete do ódio’ entre indiciados
Foto: Pedro França/Agência Senado

O relator da CPI da Covid, Renan Calheiros, reafirmou neste domingo, em entrevista à GloboNews, que pedirá o indiciamento de mais de 40 pessoas no relatório final.

Segundo o parlamentar, o relatório deve listar pelo menos 11 crimes atribuídos ao presidente Jair Bolsonaro.

Só com relação ao presidente da República, já selecionamos 11 tipos penais. Vão de crimes de responsabilidade, passando por crimes comuns, crimes contra a saúde pública e crimes contra a humanidade, também”, afirmou.

Entre as pessoas que devem ser indiciadas, Renan citou ainda o líder do governo na Câmara, Ricardo Barros, “pela sua participação na negociata da aquisição das vacinas”, o deputado Osmar Terra, “que foi uma espécie do porta-voz do negacionismo”, os médicos Nise Yamaguchi e Paolo Zanotto, “ilustres integrantes do gabinete paralelo”, além de “ilustres membros do gabinete do ódio”.

 

Mais notícias
TOPO