Renan: “Eu, que ganhei, não era renovação?”

Antes de entrar no plenário do Senado, Renan Calheiros criticou quem o acusa de não ser representante da “renovação política”, relata O Globo.

“Estou me esforçando demais. É meu quarto mandato. Acabei de ganhar uma eleição. Ontem, ficava ali estupefato. O Davi [Alcolumbre] dizendo que era nova política. Logo ele, que perdeu a eleição no seu estado. E eu, que ganhei, que estava tomando posse, não era renovação? A renovação é o que se faz. É o resultado do que produz. É o que fez ou deixou de fazer. Não é um número que está na carteira de identidade da gente.”

Comentários

  • Evelyn -

    Se fazendo de sonso 🙂

  • Mariano -

    Os eleitores de Alagoas devem ser em sua maioria um bando de anciãos, que amam Collor, Renam e múmias afins, votando com nostalgia e lembrando de Ulisses Guimarães. Só pode!!!

  • Andre -

    Graças ao Nordeste é que as raposas velhas da política ainda estão lá: Humberto Costa; Renan Calheiros; Fernando Collor; Jacques Wagner; Otto Alencar; Cid Gomes; Tasso Jereissati; José Maranhão

Ler 28 comentários