Resposta da Secom a Marcelo Adnet foi 'um erro', diz Fábio Faria

Resposta da Secom a Marcelo Adnet foi um erro, diz Fábio Faria

Entrevistado nesta terça (8) pelo Pânico da rádio Jovem Pan, o ministro das Comunicações, Fábio Faria, afirmou que a resposta do perfil oficial da Secom a Marcelo Adnet foi “um erro”.

Em um de seus vídeos, o humorista parodiou a campanha “Um Povo Heroico”, protagonizada por Mario Frias, o que fez o secretário da Cultura chamar Adnet de “palhaço decadente”, “garoto frouxo” e “bobão”.

Depois, a Secretaria de Comunicações da Presidência tomou as dores de Frias (“infelizmente, há quem prefira parodiar o bem e fazer pouco dos brasileiros”).

“Na minha opinião, a reposta ao Adnet foi um erro, porque o ajudou. Não era para em nenhum momento ter colocado ele na vitrine”, comentou Fábio Faria na entrevista ao Pânico.

“É lógico que não teve nenhuma maldade, foi uma brincadeira, uma ironia, mas eu não controlo todos os fluxos”, acrescentou o ministro.

O Antagonista continua achando piada que uma conta oficial do governo choramingue por causa da sátira feita por um humorista –mas, nesse caso, a piada é feita com o seu (e o nosso) dinheiro.

Leia mais: Exclusivo: a casa secreta de Brasília
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 29 comentários
TOPO