Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Ribeiro e Queiroga assinam portaria por volta às aulas presenciais antes da vacinação de professores

"A vacinação dos professores não é imperiosa para o retorno às aulas", disse Queiroga, em pronunciamento à imprensa
Ribeiro e Queiroga assinam portaria por volta às aulas presenciais antes da vacinação de professores
Reprodução/ TV BrasilGov/YouTube

Os ministros Milton Ribeiro (Educação) e Marcelo Queiroga (Saúde) assinaram na tarde desta quarta (4) uma portaria com diretrizes para o retorno às aulas presenciais.

“A vacinação dos professores não é imperiosa para o retorno às aulas”, disse Queiroga, em pronunciamento à imprensa. “Tampouco a vacinação dos alunos. Porque a educação é tão importante, e o retorno às aulas é tão importante, que todas essas autoridades mundiais já chegaram à conclusão que devemos voltar à aula (sic), fazer protocolos seguros, e avançar nas outras agendas”.

Segundo Queiroga, o governo federal já enviou aos estados doses suficientes para vacinar 100% dos professores com pelo menos a 1ª dose.

No começo de julho, o Conselho Nacional de Educação (CNE) votou a favor da aprovação de diretrizes nacionais para a volta às aulas presenciais.

Os ministérios da Saúde e da Educação, procurados, não conseguiram fornecer imediamente o texto da portaria.

Os ministros não abriram oportunidade para perguntas da imprensa.

Leia tambémDoria: Ministério da Saúde enviou ontem apenas 50% das vacinas da Pfizer que deveria para SP

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO