ACESSE

"Robespirralho"

Telegram

A Época fez uma reportagem sobre Filipe Martins, assessor de Jair Bolsonaro, chamado de Robespirralho:

“Na caserna, há o sentimento de que Martins estaria trabalhando para criar divergências entre militares e o presidente — em alguns casos, transmitindo informações confidenciais do Palácio para Olavo de Carvalho.

Ao assumir o cargo de assessor, Filipe Martins contratou como adjunto um dos genros de Olavo, Henri Carrières, de 40 anos, casado com Maria Inês de Carvalho, com quem tem quatro filhos (…). O diplomata foi exonerado em 3 de janeiro de 2019 pelo ministro Onyx Lorenzoni na ‘limpa’ promovida para tirar ‘petistas’ da pasta. No dia 11 do março, foi reempossado por Martins.”

'Pauta bomba': mais dinheiro para emendas parlamentares e governo acuado. Saiba mais

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 89 comentários