Rodrigo Maia e a Lei da Ficha Limpa

Rodrigo Maia sinalizou apoio ao grupo de deputados que quer mudar a aplicação da Lei da Ficha Limpa, informa a Folha.

“O projeto não está alterando [a Lei da Ficha Limpa], está tratando do caso específico para a lei não retroagir”, disse o presidente da Câmara.

No mês passado, o STF decidiu que a inelegibilidade prevista na lei, de oito anos, pode ser aplicada em casos anteriores a 2010, quando ela começou a vigorar.

“A lei brasileira, do ponto de vista de muitos, nunca retroagiu para prejudicar”, afirmou Maia, que insistiu várias vezes em que a ideia não é, “de forma nenhuma”, mexer na lei.

“Vamos deixar isso claro, porque daqui a pouco a sociedade está achando que nós, alguns deputados e alguns partidos querem mudar a Lei da Ficha Limpa.”

Comentários

  • simone -

    SR. RODRIGO MAIA, por favor deixe essas palavras mentirosas para a turma dos vermelhos, A LEI DA FICHA LIMPA NÃO FOI FEITA PARA PUNIR, ELA É CONDIÇÃO PARA SE ASSUMIR CARGO PÚBLICO, PAREM DE MENTIR E ENGANAR O BRASIL O TEMPO TODO. QUERER CONFUNDIR. LEI DA FICHA LIMPA É PRÉ REQUISITO/CONDIÇÃO E NÃO PUNIÇÃO. SEU PARTIDO TEM MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO, IGUAL ACONTECE COM OS CANDIDATOS DO ENEM, ELES PRECISAM TER CUMPRIDO REGRAS PARA PARTICIPAREM. OS POLÍTICOS SUJOS PRECISAM SER EXTIRPADOS. O CONGRESSO ESTA TENTANDO ENGANAR O POVO, QUERENDO FAZER DA FICHA LIMPA LEI PUNITIVA, NÃO QUERIDO DA DILMA, A FICHA LIMPA É CONDIÇÃO E PARA DE QUERER ENGANAR, SOU DO RJ E ESTOU DE OLHO, SEU ELEITOR NÃO É IGNORANTE FAÇA O FAVOR DE DAR OS NOMES AS BURROS CORRETAMENTE E DEIXE ESTA MENTIRA ENGANOSA PARA OS PETISTAS.

  • Ralfo -

    Já está sobrando para ele ? Ou é tudo natural, inerente `a profissão ? Crimes do bem ?

  • Damasio -

    Se levar para o lado que a lei não pode retroagir, penso que também a nova lei trabalhista que entra em vigor hoje deva valer só para os os novos trabalhadores que entrar no mercado de trabalho a partir da vigência do mesmo.... Afinal não pode retroagir... Sqn para os trabalhadores........

Ler 35 comentários