Rodrigo Maia na delação do dono da Gol

Em maio, O Antagonista revelou com exclusividade que o dono da Gol, Henrique Constantino, disse em sua delação ter pagado propina ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia, por meio da Abear (Associação Brasileira de Empresas Aéreas).

O “benefício financeiro”, segundo ele, teria relação com a aprovação da abertura do capital das companhias aéreas a estrangeiros.

Maia negou a acusação: “Nunca me pagou nada, isso é mentira dele. Não tem como provar e vai ser mais um inquérito arquivado na justiça brasileira.”

Além de Maia, também foram citados como beneficiários Romero Jucá, Vicente Cândido, Ciro Nogueira, além de Marco Maia, Edinho Araújo, Otávio Leite, Bruno Araújo e outros.

A delação de Constantino foi homologada pelo juiz Wallisney Oliveira. O empresário pagará 70,7 milhões de reais pelo acordo. Novos valores poderão ser cobrados após o desenrolar da investigação.

Luleco, o filho de Lula, também foi citado.

A vida dos filhos de Lula: imóveis, carros de luxo, dividendos milionários… Saiba mais
Mais lidas
  1. Mensagens de WhatsApp revelam que militares bolsonaristas perderam a chance de comprar vacinas

  2. Fiocruz só deve ter vacina pronta em abril; governo vai importar mais 30 milhões de doses da Índia

  3. Parem de receitar a cloroquina Bolsonaro ao Brasil

  4. Mourão diz que Ernesto Araújo pode ser trocado

  5. Huck 2026?

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 26 comentários
TOPO