“Rodrigo Maia pode ter o apoio das siglas, mas não sei se tem dos deputados”

Arthur Lira, líder do PP na Câmara, reforçou a O Antagonista a formação de um bloco para fazer frente ao favoritismo de Rodrigo Maia.

Ele não diz se é candidato ou não.

“Isso é o que menos me preocupa agora. Estamos trabalhando para formar um bloco que dê sustentação a qualquer candidatura alternativa à presidência da Câmara.”

Se Maia já pode cantar vitória, com o apoio garantido do PSL?

“Rodrigo Maia pode ter o apoio das siglas, mas não sei se tem dos deputados. O quadro ainda é muito confuso.”

Lira negocia para que, além do MDB, o bloco anti-Maia possa abranger legendas da “centro-esquerda”.

“Eu fiz todas as conversas. Agora é esperar.”

A esperança da turma de Lira é atrair partidos que não consigam garantir o espaço que esperam em uma eventual reeleição do atual presidente.

O último golpe de Eunício Oliveira. No seu bolso. Leia mais

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 15 comentários
  1. Eu tenho dito isso constantemente. Maia é o Malckmin da eleição da mesa diretora. Ele tem quase todos os partidos, que vai continuar sem os votos da maioria dos parlamentares.

  2. Essa briga de comadres fisiológicas não interessa ao Brasil, o que o país deseja é que os políticos façam o que for necessário para resolverem seus problemas, ou serão considerados descartáve