ACESSE

Rodrigo Maia pressionado

Telegram

Em reunião com líderes de partidos ontem, Rodrigo Maia mostrou disposição em avançar com a CPI da Lava Jato, “ajustando o foco” do requerimento. À noite, o corregedor da Câmara, Evandro Gussi, sinalizou que concordaria com a ideia.

O Antagonista sabe, porém, que hoje Maia estaria se sentindo mais pressionado, principalmente com a possibilidade de judicialização do episódio, uma vez que está comprovado que o texto assinado é diferente do que foi protocolado.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 15 comentários