ACESSE

Vídeo: Maia rebate Eduardo: "Pelo amor de Deus, vamos tratar de salvar vidas e empregos no Brasil"

Telegram

Em coletiva, Rodrigo Maia rebateu a declaração de Eduardo Bolsonaro, que disse hoje acreditar que o governo já alcançou “maturidade” para participar da escolha dos novos presidentes da Câmara e Senado.

“Cabe no meio de 30 mil mortes tratar de eleição para presidente da Câmara ou do Senado? Pelo amor de Deus, vamos tratar de salvar vidas e empregos no Brasil.”

Perguntado se acha que o apoio do Planalto, ainda que indireto, influencia nas eleições do Congresso, Maia respondeu:

“Na ultima eleição, o Onyx fez campanha até o ultimo dia e eu o derrotei na Presidência da Câmara. Não sei se tem essa influência toda. Mas me deixa abismado e perplexo como alguém no meio de uma pandemia, com mais de 30 mil mortes, com a economia caindo 7%, alguém possa estar preocupado com eleição para Presidência da Câmara ou do Senado.”

Maia também informou que o Conselho de Ética da Câmara vai voltar a funcionar, no máximo, até o início de julho. Segundo ele, nada tem a ver com os casos que envolvem Eduardo Bolsonaro e que estão parados no colegiado.

“Não. É porque tem muitas coisas que estão paradas no conselho. Não estou querendo voltar amanhã para tratar de caso específico nenhum, nada disso.”

Leia também: Quais líderes estão se saindo bem na pandemia?

Comentários

  • LUCELINO -

    Os Bolseiros vem conseguindo proezas inimagináveis. Uniram os ministros do STF, estão tornando as falas do Maia aceitáveis, tornaram Roberto Jefferson ídolo e o centrão a parte boa da política.

  • Marlon -

    Mas pra gerar empregos e prosperidade necessitamos de um parlamento que cuide dos interesses do País, Maia e Alcolumbre fazem o contrário!!!

  • JOSE -

    Famíglia Bolsonazi.

Ler 36 comentários