Roseana e a “organização criminosa” maranhense

O MP do Maranhão denunciou Roseana Sarney por fraudes na concessão de isenções fiscais. O rombo, segundo os promotores foi de 410 milhões de reais.

“O modus operandi da organização criminosa envolvia um esquema complexo, revestido de falsa legalidade baseada em acordos judiciais que reconheciam a possibilidade da compensação de débitos tributários (ICMS) com créditos não tributários (oriundos de precatórios ou outro mecanismo que não o recolhimento de tributos). Não bastasse isso, em diversas ocasiões, foi implantado um filtro para mascarar compensações realizadas muito acima dos valores decorrentes de acordo homologado judicialmente.”, escreveu o promotor Paulo Roberto Barbosa Ramos.

Os advogados de Roseana disseram que ela está tranquila.

Mas nada está favorável.

Faça o primeiro comentário