Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Ruy Goiaba: O banheiro público das redes sociais

Colunista da Crusoé relembra tempos em que a "rede social" era a parede rabiscada do banheiro e constata que, hoje, as redes sociais é que são uma espécie de banheiro público
Ruy Goiaba: O banheiro público das redes sociais
Foto: josepaulomv/Pixabay

Na Crusoé desta semana, Ruy Goiaba relembra seus tempos de faculdade, pré-internet, em que a “rede social” era a parede rabiscada do banheiro —e constata que, hoje, as redes sociais é que são uma espécie de banheiro público.

“Até hoje, a melhor lição de ciência política que recebi, uma espécie de Maquiavel in a nutshell, veio das paredes daquele banheiro. Algum postador anônimo escreveu que o diretor da faculdade — figura notória por fazer vida acadêmica como “teórico” do jornalismo sem, aparentemente, jamais ter pisado numa redação — era “burro”. Outro alguém ponderou: “Fulano não é burro. Burro é você, que não sabe a diferença entre um filho da puta e um burro”. Essa divisão inequívoca entre burrice e safadeza serviu muito bem para entender a política brasileira (Lula, por exemplo, não é burro), pelo menos até o governo atual, que provou que altos teores de burrice e mau-caratismo podem, sim, coexistir.”

LEIA AQUI a íntegra da coluna; assine a Crusoé e apoie o jornalismo e o humorismo independentes.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO