Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Ruy Goiaba: Uma feijoada dentro do pesadelo

Na Crusoé, colunista lembra uma frase de James Joyce sobre o horror da história e diz que os brasileiros parecem pouco dispostos a acordar do seu pesadelo
Ruy Goiaba: Uma feijoada dentro do pesadelo
Foto: josepaulomv/Pixabay

Em sua coluna para a Crusoé que foi ao ar nesta sexta (1º), Ruy Goiaba lembra uma famosa frase de James Joyce (“a história é um pesadelo do qual estou tentando acordar”) e diz que os brasileiros parecem muito pouco dispostos a acordar de seu próprio pesadelo.

“[Os brasileiros] todo dia saem para trabalhar e todo fim de semana batem sua bolinha com os amigos dentro do pesadelo. É um país de sonâmbulos. [As acusações à Prevent Senior] são atrocidades que, em qualquer país civilizado como nós nunca fomos, renderiam intervenção na empresa e cadeia para os responsáveis caso fossem comprovadas. O brasileiro médio com acesso à internet — e que não teve ninguém da família entre as vítimas — se indigna, vai às redes sociais sinalizar a virtude de estar indignado, a grande onda de indignação (real ou performática) se ergue e morre na praia: outra onda virá no dia seguinte para encobri-la, e outra, e mais outra. Pouco importa que os crimes ocorram em série, o desfecho é sempre o mesmo: nada acontece, feijoada.”

LEIA AQUI a íntegra da coluna; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO