Saito diz que “caso Snowden” impediu compra de caças americanos

Na audiência do dia 1º, Juniti Saito disse também que soube “extraoficialmente” que Dilma Rousseff estava decidida a comprar os caças F-18 da Boeing, desconsiderando o relatório técnico da FAB.

Mas isso mudou após a denúncia de Edward Snowden de que a NSA havia espionado o governo brasileiro.

“Eu comecei a desconfiar, acho que no final de 2012, (de que Dilma queria os F-18)… Imaginei que talvez a presidente estivesse preferindo uma decisão americana para se aproximar mais com os americanos em termo comerciais etc.”

Ao ser questionado pelo MPF, Saito explicou por que a compra dos F-18 não vingou. “Eu tenho certeza de que foi depois que houve a denúncia do Snowden de espionagem. Ela tinha até viagem marcada para os EUA e cancelou. A partir daí, ela não falou nada.”

200