Salim no pré-sal de Lula

O delator Salim Schahin está detalhando à força-tarefa da Lava Jato as propinas pagas pelo grupo Schahin em ao menos cinco contratos de operação de sondas e plataformas para a Petrobras.

Além da já conhecida Vitória 10000, a Schahin operou as sondas e plataformas Cerrado, Sertão, SS Pantanal e SS Amazônia. Esta última tem significado especial, pois foi contratada para operar no Campo de Lula, no pré-sal da Bacia de Campos.

Uma plataforma para chamar de sua

Faça o primeiro comentário