São Paulo ultrapassa limite de internações estipulado pelo governo

Estado tem mais de 11 mil pacientes com Covid em UTIs, número que havia sido apontado pela equipe de Doria no mês passado como limite de uma eventual piora da pandemia
São Paulo ultrapassa limite de internações estipulado pelo governo
Foto: Governo do Estado de São Paulo

O estado de São Paulo ultrapassou a marca de 11 mil pacientes com Covid internados em UTIs, número que havia sido citado pela equipe do governador João Doria (PSDB) como limite de uma eventual piora da pandemia após as flexibilizações da quarentena anunciadas no mês passado.

O balanço divulgado pela gestão estadual ontem aponta que o número total de pacientes internados com a doença é de 24.547, sendo 11.189 em leitos de UTI e 13.358 em enfermaria.

A taxa de ocupação de leitos de UTI é de 82%, nível considerado preocupante por especialistas.

No entanto, o coordenador do Centro de Contingência, Paulo Menezes, afirmou, em entrevista ao G1, que a equipe que compõe o comitê não considera que a situação esteja fora de controle.

“A avaliação é de que esse momento é distinto daquele. Por alguns motivos baseados em indicadores. Em abril nós chegamos a 13 mil pacientes internados em UTI, hoje estamos com 11.189, um pouco mais do que o Gabbardo tinha falado. Ainda há uma distância muito grande.”

Leia mais: Como se articulam advogados criminalistas e filhos de ministros de tribunais superiores alvos de investigações para blindar-se na Justiça.
Mais notícias
TOPO