ACESSE

Sara Winter volta a pedir para ser solta

Telegram

A defesa da bolsonarista Sara Giromini, conhecida como Sara Winter, pediu hoje novamente que ela seja solta. Os advogados recorreram de decisão da ministra Cármen Lúcia que a manteve presa.

Sara Winter é investigada no inquérito sobre financiamento de atos antidemocráticos. Foi presa no dia 15 de junho, por decisão do ministro Alexandre de Moraes, responsável pelas investigações.

No HC, a defesa da militante disse que a prisão foi ilegal porque ela não tem prerrogativa de foro no Supremo e não poderia ser investigada lá.

Cármen negou o pedido ontem, alegando não caber Habeas Corpus contra atos de ministros do STF.

Em agravo apresentado agora à tarde ao STF, os advogados da bolsonarista disseram que o entendimento do Supremo mudou, e agora podem ser impetrados HCs contra decisões de ministros. Só não caberiam aqueles cujo pedido confrontem a jurisprudência do Supremo, disse o advogado Paulo Farias, na petição.

Na decisão de ontem, Cármen também disse que a defesa não apresentou cópia do “ato coator” do caso – ou seja, a decisão do ministro Alexandre da qual os advogados reclamam.

Em resposta, a defesa de Sara Winter disse que não teve acesso à decisão, e por isso não apresentou cópia.

“Esta defesa não trabalha com ocultismo tampouco possui ligação com Mãe Dinah para ter acesso espiritual à decisão e apresentá-la conjuntamente com a petição inicial”, disse o advogado.

Leia mais: Convite especial: garanta seu acesso à Crusoé e O Antagonista+ e GANHE um ebook sobre Sergio Moro. Clique e saiba mais

Comentários

  • EGIDIO -

    Que vergonha. Um STF em confronto com uma garota bravateira. Enquanto isso, onde está Renan...? Gozando privilégios à custa do suor de miseráveis. E os processos dele ? Parados...no mesmo STF.

  • Marcia -

    Essa moça pode ter problemas psicológicos, já q vai da extrema esquerda à extrema direita em tempo record, mas ela não é mais perigosa q o Stédile, q tá soltinho da Silva, por aí!!!

  • Uirá -

    Enquanto ela segue PRESA pq um MINISTRO DO STF tem MEDO DE APANHAR DE MULHER, Dr. Bumbum e os ANTIFAS que mataraM o CINEGRAFISTA Santiago Andrade desfrutam da LIBERDADE. Esta é "JUSTIÇA" À BRASILEIRA.

Ler 41 comentários