ACESSE

Sargento da FAB preso com cocaína segue recebendo salário

Telegram

Preso na Espanha há mais de um ano, o sargento da FAB Manoel Silva Rodrigues segue na ativa e recebendo salário em dia.

Ele foi detido em 2019 com 39 quilos de cocaína quando viajava como parte da tripulação de apoio do presidente Jair Bolsonaro.

Segundo o UOL, o militar recebe brutos R$ 8,1 mil mensais, incluindo verbas indenizatórias.

“Em novembro, o valor bruto chegou a R$ 14,5 mil, devido à gratificação natalina. Ao longo de todo esse período, seus salários somaram cerca de R$ 97,5 mil.”

Leia mais: A 'paz conveniente' reina em Brasília: por que eles saem da crise ganhando

Comentários

  • Caio -

    Brasil paraiso dos fora da lei

  • Paulo -

    Que vergonha! Qual a diferença entre estes milicos e está classe politica corrupta?

  • Ricardo -

    Decreto-Lei nº 1.001/1969 Código Penal Militar e Decreto-Lei nº 1.002/1969 Código de Processo Penal Militar. Está tudo ali, basta ler. A Administração Militar só pode agir em conformidade com a lei.

Ler 104 comentários