Sargento preso com cocaína em comitiva de Bolsonaro cumprirá pena na Espanha

Sargento preso com cocaína em comitiva de Bolsonaro cumprirá pena na Espanha
Segundo-sargento da Aeronáutica Manoel Silva Rodrigues. Foto: reprodução redes sociais

O sargento da FAB Manoel Silva Rodrigues, preso na Espanha em junho de 2019 com 39 quilos de cocaína e condenado em fevereiro deste ano a seis anos de prisão, cumprirá toda a pena no país europeu, informa o Diario de Sevilla.

Rodrigues foi preso quando viajava como parte da equipe de apoio a Jair Bolsonaro para a reunião do G20 no Japão.

A defesa do sargento solicitou à Justiça espanhola que ele pudesse cumprir parte da pena no Brasil, mas o pedido foi negado.

Segundo a Folha, o Judiciário da Espanha quis evitar que outros condenados fizessem o mesmo pedido de Rodrigues caso o sargento fosse atendido. Além disso, foi levada em conta a relevância da prisão, já que o militar integrava a comitiva oficial de um presidente.

Leia mais: Bolsopetismo pró-impunidade: bolsonaristas e petistas juntos contra a proposta de prisão de condenados em segunda instância
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 32 comentários
TOPO