Saúde não tem 'vara de condão' para resolver problemas, diz Queiroga

Saúde não tem vara de condão para resolver problemas, diz Queiroga
Foto: Anderson Riedel/PR

Ao ser questionado sobre a falta de doses de vacinas contra a Covid, que levou à interrupção da vacinação em Curitiba e Goiânia nesta sexta (9), Marcelo Queiroga afirmou que o Ministério da Saúde “não tem vara de condão para resolver todos os problemas”.

O ministro deu a declaração durante uma coletiva de imprensa na Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz).

“Trabalhamos todos os dias para trazer alternativas para a população brasileira. Estamos fazendo entregas [de vacinas] para a sociedade brasileira de maneira concreta, senão o Brasil não era o quinto país com mais doses aplicadas”, disse Queiroga.

“Vamos continuar trabalhando juntos e buscando mais vacinas. O ministério não tem vara de condão para resolver todos os problemas”, acrescentou.

O ministro também foi questionado sobre os atrasos na entrega de imunizantes pela própria Fiocruz, previstas anteriormente no cronograma da pasta. Respondeu citando o acordo do ministério com o programa Covax e dizendo que também há atrasos na entrega das vacinas pelo consórcio global.

Queiroga sabe que não é o caso de ter “vara de condão”. Bastava, por exemplo, o governo não ter ignorado ofertas de milhões de doses no ano passado.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que não tem medo de apontar os verdadeiros culpados pelas mazelas brasileiras.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO