Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

“Se o Brasil não atrapalhar, já será um sucesso”

Para a porta-voz de coalizão sobre a COP26, será um “milagre” se o governo brasileiro apresentar meta de emissões de carbono mais ambiciosa
“Se o Brasil não atrapalhar, já será um sucesso”
Foto: Divulgação/ ONU

O Brasil deverá apresentar na Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas, a COP26, a meta de reduzir em 43% as emissões de carbono até 2030. Para a Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura, que reúne entidades do agronegócio, empresas e organizações civis, a meta deveria ser de 50%

Em entrevista à Crusoé, a advogada Rachel Birdman, porta-voz da entidade, disse que será um “milagre” se o governo brasileiro apresentar uma meta de emissões mais ambiciosa.

O que espero é que o Brasil não obstrua outras conversas. Uma das coisas que serão negociadas é o artigo 6 do Acordo de Paris, que trata das regras para um mercado global de carbono. Caso ele seja estabelecido, será um ganho. Empresas brasileiras poderiam ser recompensadas ao reduzir emissões. Se o Brasil não atrapalhar, já será um sucesso.

Leia aqui a entrevista completa. Assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO