“Se o governo do Pará não fizer nada, é prevaricação”, diz secretário sobre fazenda invadida

O secretário especial de Regulação Fundiária do Ministério da Agricultura, Nabhan Garcia, disse a O Antagonista que já está em contato com o governador do Pará, Helder Barbalho, que, segundo ele, recebeu a ordem “para preservar a integridade física dos funcionários e patrimonial” da fazenda invadida a 50 quilômetros de Marabá por um grupo da União Nacional Camponesa (UNC), como mostramos há pouco.

“A fazenda, que é produtiva, não foi ocupada, foi invadida por uma organização criminosa. Movimento social não anda armado, não invade, não destrói. Isso é organização criminosa e não vai ter reforma agrária para esse tipo de gente. Para eles, vai ter é rigor da lei.”

Garcia acrescentou que o governo do Pará terá de identificar todos os invasores.

“Esse é o procedimento que vamos adotar daqui para frente. O governo terá de identificar esses invasores, que estão cometendo crimes. Se não fizer nada, é prevaricação.”

O fogo amigo contra o 'posto Ipiranga' de Bolsonaro. LEIA AQUI

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Sou paraense e, se conheço bem esta família de bandidos com sobrenome Barbalho, é capaz dele não proteger os invasores. Eles sempre estão ao lado de quem governa o país para terem imunidade.

Ler mais 113 comentários
  1. Sou paraense e, se conheço bem esta família de bandidos com sobrenome Barbalho, é capaz dele não proteger os invasores. Eles sempre estão ao lado de quem governa o país para terem imunidade.

  2. eles estão medindo a força do governo,assim como os bandidos do ceara–CADEIA-cadeia-e mais cadeia—eles tem que ser contidos o mais rápido possível ,para que isto não se alastre pelo brasil–pa

  3. Governo Bolsonaro valendo cada voto. Estou muito satisfeito com essa mudança radical que estão fazendo. MST é grupo de bandidos, criminosos, vagabundos e terroristas. Cadeia neles!!

  4. É isto mesmo! Não permitam que estes bandidos levantem a crista! Se o governo do Pará não fizer nada, então que a União tome as medidas cabíveis! Cadeia para os invasores, doa em quem doer!

  5. J. Dirceu continua com as suas, fez treinamento em Cuba ha 40 anos, sabe as taticas corretas, por isso que foi solto, para organizar os golpes, ocmo a JBS, a greve dos caminhoneiros e mais esta.

    1. A responsabilidade é do eleitor. Que intervenção!? É o que eles querem, inviabilizar o governo federal e estão mais que manjados. Não votaram? Não acharam tudo legal?

  6. Quero ver 1 político c peito p enfrentar esses movimentos,falar é fácil,a verdade é q no Brasil não se tem controle d nada,d bairros d periferia a sistema prisional,passando pelo campo, hospitais

    1. concordo; o Brasil é uma zon.a; o rachid, como exemplo, sempre houve e tudo de errado que todos estão fazendo sempre houve; difícil consertar……..

    1. Isso aí Júnior. O interior deveria saber como as coisas acontecem no interior, não é mesmo? Os “coroné” fazem as leis.

  7. Secretário, o governo do Pará já está a fazer. Cuidado c armadilhas. O terrorismo tem como função acusar o governo Federal d omissão, caso não acuda, ou d crime, se morrer alguém.

    1. A reforma agrária no Brasil já foi feita a muito tempo, minha cara! Aconteceu com a migração de paulistas, paranaenses, catarinos e gaúchos p/centro oeste e mineiros e paulistas p/Pará!

    1. Então que espere 24 horas. Não acontecendo nada, intervenha! Declare intervenção pelo prazo de 03 dias, vai lá com 200 homens das FFAA e bota estes vagabundos atrás das grades!

    2. A Competência é do Governador , se não agir Bolsonaro pode intervir , mas tem que primeiro esperar a reação Estadual .

  8. O governador não passa de mais um incompetente, cujo objetivo é desgovernar e recebendo para isso. Mais um tiro que vai sair pela culatra. Dessa vez não estão tratando com amadores. Vão colher!

    1. Muita coisa errada contribuí pra essa invasão. Lula preso no SPA da PF, Dirceu solto, delação do PALOCCI segredo de justiça, advogados do Adélio quem paga? Tá frouxo demais.

  9. Mais uma armadilha da esquerda, que vai repetir muito. Os líderes nos seus apartamentos de luxo, mandam invadir e depois se houver um massacre (Carajás), aí cai todo mundo de pau no Governo Bolsona

    1. Enquanto não forem nos cabeças, será isso aí. Todo mundo sabe quem são, só precisam matar a cobra a pauladas na cabeça.

  10. E agora, Bolsonaro? Invadiram mas você não pode invadir o estado do Pará para expulsar os invasores. O problema é do governador que não vai fazer nada. E agora como ficamos diante de suas promess

  11. Os governadores de Oposição estão tentando criar problemas para o Governo, utilizando mão de obra criminosa. Deveriam também ser investigados como suspeitos de cumplicidade com os marginais.

    1. Correto! O caso do Ceará tem o mesmo objetivo. São as esquerdas que estão comandando essas ações. E o que fazem os generais no governo?

    1. As quadrilhas de esquerda estão sendo abrigadas no Ceará, Pernambuco, Rio grande do Norte e Pará. O motorista de Marighela está em São Paulo, com Dória.